Cartões de beisebol japonês

publicado em  

A fabricante de salgadinhos japonesa "Calbee" celebra neste ano o 40º aniversário de seu "Professional Baseball Chips", linha de batatas frita que oferece cartões com jogadores de beisebol como brinde. A empresa já vendeu mais de 1 bilhão de cartões desde que foi lançado em 1973.

A longa duração da marca não impediu que ela se mantivesse competitiva no mercado lanches, onde um produto pode ser considerado um sucesso quando consegue ficar nas prateleiras por três anos. Além disso, o lanche também sofreu com os altos e baixos da popularidade do beisebol japonês.

A série de cartões de beisebol foi lançada para suceder o "Kamen Rider Snack", série que contou com cromos de "Kamen Rider", que havia sido lançado dois anos antes da dos cartões de beisebol.

Yoshinori Mori, um homem de 45 anos de idade, é um colecionador dos cartões de beisebol, e até escreveu um livro sobre seu hobby. "Mesmo que eles sejam apenas do tamanho de um cartão de visita, os cartões estão carregados da história do beisebol japonês e também trazem de volta memórias de infância", disse o colecionador.

A própria empresa, Calbee, não possui todos os cartões antigos no estoque, assim Mori visitou várias lojas de antiguidade com o objetivo de coletar todos os cartões produzidos. "Foi uma caça ao tesouro sem mapa", disse sorrindo.

Apesar da popularidade com os colecionadores, a venda dos salgadinhos com cartões está caindo drasticamente. O declínio atual do beisebol japonês está prejudicando o número de vendas que já caiu para cerca da metade do seu nível máximo nesses últimos anos. Porém, a marca continua sendo a mais rentável da Calbee. Quando foi lançado ele custava 20 ienes (R$ 0,50) e vinha com um cartão de beisebol, agora ele custa 90 ienes (R$ 2,27) e vem com dois cartões.

Alguns dos cartões de beisebol recebem lances altos em leilões. Estipula-se que cerca de 2 mil colecionadores de cartões vivem na área metropolitana de Tóquio.

Durante a década de 70, foram lançadas muitas cartas raras, incluindo algumas que contaram com mais de um jogador no mesmo cartão, ou os mostravam com suas famílias. Se essa carta rara estiver em bom estado, ela pode ser vendida por até 100 mil ienes.


Comentários