Sobe nº de suicídios no Japão

publicado em  

Emprego irregular e grave falta de trabalho foram considerados os principais fatores para o aumento de suicídios no Japão. Em 2011, 30.651 japoneses se mataram.

Um relatório divulgado pela Agência Nacional de Polícia, nesta sexta-feira (08/06), disse que 2011 foi o 14º ano consecutivo em que o número de suicídios no Japão superou a marca de 30.000, sendo que o país tem uma população de apenas 127 milhões de habitantes.

As pessoas na faixa dos 60 anos de idade representam o maior número com 5.547, seguido pelas pessoas de 50 anos com 5.375, e os de 40 anos com 5.053.

Houve também um aumento acentuado no número de pessoas com menos de 30 anos de idade. 622 pessoas com idade abaixo dos 19 anos cometeram suicídio no ano passado, em 2010 foram apenas 70. O número de suicídios de pessoas na faixa dos 20 anos subiu de 64 em 2010, para 3.304.

Segundo a NHK, os jovens se matam quando não conseguem encontrar trabalho após a formatura.
Comentários