Suicídio no Japão

publicado em  

Atualmente o Japão está na sétima colocação do ranking dos países com a maior taxa de suicídio. A situação ainda fica mais preocupante, tendo em vista que o Japão é um país muito pequeno. Pra você ter uma ideia, ele tem cerca da metade da população dos EUA, porém a taxa de suicídio japonesa é duas vezes maior que a americana. Uma pesquisa divulgada semana passada pelo governo japonês, revela que de 2008 pra cá houve um aumento de 4,3% no desejo de suicídio. E o que torna tudo isso pior, é que os jovens estão mais propensos a tais pensamentos.

Segundo a pesquisa, 1 em cada 4 adultos japoneses estão pensando em se suicidar. Os principais motivos são: a dificuldade de encontrar emprego em meio à crise econômica, o aumento de funcionários irregulares e as fracas relações pessoais. Foram entrevistadas 2017 pessoas acima dos 20 anos, destas, 23% revelaram que já tinham pensado em cometer suicídio. Por sexo, a proporção foi de 27% para as mulheres e 19% para os homens.

Pessoas na faixa dos 20 anos são as mais propensas a pensamentos suicidas, dos jovens entrevistados, 36% disseram que tinham pensado em se matar durante o ano passado.

Quando perguntado como eles superaram o desejo de se matar, a maioria disse que se apoiou nos sentimentos familiares, ou se focou no trabalho e lazer. Os desastres de março de 2011, também podem ter afetado a forma como eles se sentem ou pensam, 63% dos entrevistados revelaram que a partir de então reconheceram a importância das relações com outras pessoas, e 54% disseram que perceberam a necessidade de fazer esforços para proteger a si e sua família. Porém, 41% revelaram se sentir mais inseguros.

Para nós, Ocidentais, o suicídio é considerado um ato negativo e contra os ensinamentos religiosos. Mas no Japão, houve um período em sua história em que o suicídio era até glorificado, como em casos de haraquiri / seppuku (cortar o ventre com uma espada) ou camicases (pilotos que cometiam ataques suicidas contra os inimigos). Graças a condições históricas, o suicídio no Japão não desperta um sentimento de culpa tão forte como entre os Ocidentais.
Comentários
Wesley !  

Qual o nome desse anime mesmo?
Eu sei que já vi 5 episódios desse ai, esse professor tentava suicídio e eu acho que era meio de comédia.... Sei lá..

Ippo  

Se chama "Sayonara, Zetsubou sensei". E é de comédia.