2ch facilita o tráfico de drogas?

publicado em  

O site 2channel é uma das maiores fontes de informação sobre cultura pop (animes, séries, filmes, jogos...) no Japão. Através de tópicos, os usuários compartilham e comentam novidades. Porém, não é só isso que eles compartilham por lá.

Em dezembro do ano passado, foi descoberto que através de tópicos do site, existia tráfico de drogas. Utilizando linguagem codificada, traficantes vendiam "shiro" (branco), referente a anfetaminas, e "Yasai" (legumes), referente à maconha.

Como o 2ch é aberto, o monitoramento de tudo que acontece em seus fóruns seria muito difícil. Mas o problema, segundo a Agência de Polícia Nacional do Japão (APN), é que o 2ch ignorou 97% de pedidos para mensagens duvidosas serem apagadas. "Com essa postura, o site está facilitando a criação de um ambiente em que drogas podem ser facilmente negociadas, mesmo que indiretamente", disse a APN.

O 2ch tem uma postura de não apagar tópicos, e dificilmente eles apagam comentários de usuários. A APN acredita que o site não seja ruim, mas propõe melhorias para evitar o comércio de drogas ilícitas. A "melhoria" da polícia soa preocupante. Será que uma censura no 2ch seria a resposta para acabar com o tráfico? Ou isso afastaria os traficantes para outros sites? Realmente não existe uma solução fácil para o 2ch, nem para a polícia.

Dizer que o 2ch está facilitando o tráfico de drogas é um pouco demais. Seria como acusar operadoras de telefonia ou e-mail, que também são sistemas utilizados para a venda de drogas.

Às vezes "shiro" pode ser apenas "branco", e às vezes "Yasai" é apenas "legumes". Mas às vezes não.
Comentários