Especial: Doraemon - parte 2

publicado em  

Doraemon foi apresentado aos japas em dezembro de 1969. Já surgiu com grande impacto, já que foi publicado em 6 revistas infantis diferentes (o_o), porém isso tem uma explicação (;p), estas revistas eram divididas dependendo da série em que a criança estuda, estas iam desde o ensino infantil até a quarta série da escola. Criado por Fujiko F. Fujio, a princípio eram criadas cerca de 6 histórias por mês, se adaptando com cada revista (ou cada série que a criança estava). O criador infelizmente já faleceu, porém a série continua forte na tv sem nenhum sinal de que algum dia terá um fim! Nesse ano, em comemoração aos 40 anos desde a criação, a Google do Japão colocou uma imagem comemorativa em sua página de pesquisa.
Nobita Nobi é o garoto principal da série. Seus descendentes do século 22 resolveram enviar um gato-robô para impedir que ele ficasse pobre e se casasse com a irmã feia de um amigo seu. Nobita é o maior perdedor que já se teve notícia. Ele é atrapalhado, chora demais, tira muitos zeros nas provas, não é bom em nenhum esporte, e ainda apanha dos valentões. Na maioria dos episódios da série Doraemon tenta ajudá-lo tirando alguma "máquina" ou "equipamento" de sua bolsa (na barriga), porém sempre acaba criando ainda mais confusão!
Doraemon hoje é um "embaixador do Japão", digo isso porque no ano passado (2008) o ministro estrangeiro do Japão nomeou Doraemon como o primeiro embaixador anime do país. Esse título é uma tentativa de ajudar as pessoas de outros países a se interessar mais pela cultura de animes do Japão. Algo parecido com o que aconteceu com a Mônica no Brasil. Isso prova que Doraemon é considerado um ícone cultural para os japas (xD).
Comentários