Especial: Medabots - parte 1

publicado em  

Ambientado num futuro não muito distante, onde as pessoas continuam consumistas e loucas por tecnologia, é que se passa a história de Medabots. Uma série que apareceu no auge dos colecionáveis (Pokémon e cia.), e que apesar de tantas comparações com outras do mesmo gênero, conseguiu conquistar um público fiel, e hoje é lembrada com carinho por muitos. No Japão a série apareceu como um possível sucessor de Pokémon... no Brasil foi exibida na época em que os animes estavam em alta, tanto na tv paga, quanto na tv aberta.
O anime começa nos apresentando robôs com alguma espécie de inteligência artificial, que são controlados por humanos, estes que os utilizam para travar incríveis batalhas. Sucesso entre as crianças, os robozinhos podem ser vistos em todos os lugares, e na escola não existe uma pessoa que não tenha um... Ou melhor, existe sim uma pessoa que não tem um: Ikky Tenryou, o personagem central da série. Ridicularizado pelos outros por não possuir nenhum, certo dia ele acaba encontrando uma Medalha (espécie de inteligência que dá vida ao Medabot) perdida, ele então pega todas as suas economias e compra uma versão bem desatualizada de Medabot, ao colocar a Medalha encontrada conhecemos Metabee!
Porém existe um certo mistério por traz das Medalhas, e de certa forma por trás dos Medabots... seriam eles apenas brinquedos modernos? Não! Existe muita coisa por trás de tudo isso!
Ikky, Metabee, e os personagens que nos são apresentados com o decorrer da série nos provam isso. Com as descobertas que eles fazem durante a história, e com o convívio com seus amigos enlatados.
Comentários
Anônimo  

Medabee:enlatados?kikikikikikikiki.